sexta-feira, novembro 14, 2008

COUNTDOWN

Toda esta vida é um autêntico “countdown”.
Desde que nascemos, que cada dia estamos mais perto de morrer; a cada segundo que passa estamos menos novos.
Até aqui, nada de novo – tudo isto é bastante óbvio – mas o countdown a que me refiro não é nenhum lançamento de um novo foguetão ao espaço, nem uma bomba atómica a ser testada. É uma situação mais pessoal. E arriscada. Penso ser este um dos termos mais adequados, quando tomei a decisão de mudar de emprego, de casa, de cidade, de país. O Continente (por enquanto) fica o mesmo, mas de resto, tudo muda.
Pode-se dizer que me cansei demasiado da minha profissão, do andamento e do rumo que tomava a minha vida – o sentimento de que necessitava de um verdadeiro abanão, era cada vez mais forte e explícito. Então decidi mudar logo tudo
de uma só vez.
Qual o meu futuro e o da minha família? Apenas o tempo o dirá, mas se decidi mudar, logicamente que é sempre para procurar melhores condições de vida.
Para além de mudar de profissão, de cidade e de país, o mais complicado para mim, irá ser a barreira linguística. É que simplesmente não sei mais do que 2 ou 3 palavras de alemão.
A situação seria um pouco diferente se fosse embarcar para um país em que dominasse a língua, como Inglaterra, Estados Unidos, etc. Mas apesar desse entrave que irá ser temporário, estou bastante confiante e esperançado de que tudo irá correr pelo melhor.
E o tic-tac continua…
Daqui a cerca de 3 semanas, faço check-in na Portela, com destino a Basel. Apesar de aterrar em terras suíças, o meu destino é o sul da Alemanha. Cidade pequena (no que a metros quadrados diz respeito), mas bastante desenvolvida tanto a nível comercial, como industrial. Lorrach.
Aguardam-se os próximos episódios, mas entretanto aqui ficam algumas pic’s da cidade...

















































































Sem comentários: